Matérias / Entrevistas

DSORDEN
AMADURECENDO & SUPERANDO DIFICULDADES

Após passar por vários problemas, a banda, que mistura rock e hip hop, fixa a formação e lança quatro novas canções

Antonio Rodrigues Junior

Grupo formado em 96, o Dsorden passou por vários problemas, principalmente por causa da constante mudança em sua formação. Este ano, a banda finalmente definiu sua formação e coloca no mercado um novo trabalho intitulado Cada Dia Como se Fosse o Último, contendo quatro canções inéditas.

O conjunto, que atualmente é formado por Nico (vocal), Ricardo (guitarra), Kenji (guitarra), Márcio (baixo) e Tiago (bateria), mostra uma boa mistura de rock e hip hop, além de trazer elementos de outros estilos, como thrash metal e punk rock. Com a line-up estabelecida, o Dsorden aproveita para lançar as novas canções.

"Este novo trabalho mostra um pouco do que somos, aprendemos e somamos durante todos esses anos. Acho que, na verdade, é apenas o início do que viemos provar", alega Kenji. "Essa realmente é uma nova fase para a banda. Depois de muitas mudanças, parece que finalmente o Dsorden encontrou uma formação que corresponde às expectativas de todos. Estamos lançando primeiramente quatro músicas que mostram bastante a nova cara do grupo. Estamos trabalhando com muita vontade e dedicação nas novas canções, mas sem esquecer também das já feitas", completa Nico.

O conjunto define o amadurecimento como a principal diferença entre as faixas inéditas e as primeiras canções. No início, o Dsorden era considerado apenas um projeto, mas agora se torna uma banda de verdade. "Quando éramos ainda um projeto, criamos várias composições, algumas delas estão em nosso repertório até hoje. Algumas ignoramos e outras sofreram alterações para que ficassem do jeito que está nossa proposta atual, mais profissional", comenta o guitarrista.

A mescla de elementos é causada pelas diversas influências de seus integrantes, que vão do rock ao hip hop. Entre elas, o Biohazard e o P.O.D. são algumas das principais. "Curtimos sons com muitas guitarras e peso, mas procuramos ter nossa própria identidade musical", diz Kenji.

Em relação as letras das novas faixas: "Anonimato", "Caminhos" e "Sentimentos" foram compostas pelo antigo vocalista do conjunto, Bio. Elas falam sobre sentimentos pessoais, que (segundo o grupo) só poderiam ser descritas em forma de música e poesia. A única que não leva a assinatura de Bio é a canção "Só Mais um Dia", que é de autoria de Kenji. Nesta, o conjunto conta sobre uma mulher que exige que seu namorado largue a música para ficar com ela.

Falando no antigo membro, o grupo sofreu com as alterações de integrantes. Esse tipo de problema ocasionou até a troca do nome para Dsorden e na sonoridade do quinteto, que cantava em inglês. As novas composições, que já vinham sendo gravadas há quase um ano, sofreram muito atraso para serem finalizadas devido a problemas pessoais do vocalista Bio.

"Iniciamos as gravações em junho de 2004, faixas essas que estavam prontas desde 2003", confessa Kenji. "O maior problema que a banda passou foi por causa do Bio. Ele passava por problemas pessoais, o que impossibilitava a conclusão das gravações, e tinha em mente outros projetos. Foi um tempo difícil para todos nós. Uma vez que o instrumental ficou todo gravado no final de agosto. Isso acarretou na saída dele."

Após a saída do músico, o Dsorden passou a realizar uma série de testes com possíveis vocalistas, até o guitarrista Kenji lembrar de um amigo e contatá-lo. Assim Nico acabou assumindo o posto.
Mas as alterações não foram os únicos problemas enfrentados pelo quinteto. A banda também já foi enganada por um sujeito que se dizia empresário, causando um grande prejuízo a eles.

"Quando estávamos com um monte de shows agendados e correndo atrás de tudo, conhecemos um 'empresário' que nos iludiu com inúmeras promessas, gravadora e tudo mais. Iríamos embora para os Estados Unidos para se dedicar ainda mais ao nosso objetivo. Acontece que não passava mesmo de ilusão e fez com que perdêssemos dinheiro e um pouco da esperança", conta o guitarrista.

Porém, os problemas não foram suficientes para desanimar os integrantes, que voltaram a ativa e pretendem iniciar novamente a divulgação. E para isso já preparam uma nova turnê. "Estamos montando nossa agenda e logo vai estar no site (www.dsorden.com) para galera conferir", alega o vocalista Nico. "O público pode esperar shows de muita energia e interação com a galera. Isso é, digamos, o que a banda mais gosta: interação! Também pretendemos lançar nosso primeiro álbum em breve, com força total e dedicação, pois sabemos que tudo tem seu tempo."

Voltar